Pular para o conteúdo principal

Postagens

Planejamento Financeiro para a compra do imóvel

O sonho do imóvel parece distante? já pensou em todo o caminho a percorrer para alcançar o objetivo? Se a resposta para primeira pergunta é sim e para a última é não, talvez esteja faltando para você planejamento. Sim, as vezes para se chegar mais rápido ao caminho certo precisamos de planejamento, principalmente quando falamos na compra de um bem de alto valor. 
Para não ficar por fora, continue lendo nossa matéria sobre o assunto!

1. Estabeleça metas

E quando falamos estabeleça metas inclua sua condição financeira, crie metas reais que caibam no seu orçamento. Coloque tudo no papel, crie uma planilha e calcule tudo que sobrará no fim do mês para investir na compra do imóvel. Depois disso crie metas para poupar no mês, quanto mais economizar, melhor.

2. Invista esse dinheiro

Como a velha frase afirma dinheiro parado é prejuízo. Então com esse dinheiro poupado para compra do imóvel invista em algo que possa aumentar seu lucro, conta poupança, títulos públicos do governo, etc. Procure u…
Postagens recentes

Dicas para imóveis pequenos

Ter um pequeno espaço e não saber aproveitá-lo pode ser um pecado. No post dessa semana vamos falar sobre dicas de decoração e arrumação para ambientes pequenos, pode ser uma quitinete, apartamento ou casa. Queremos mostrar que cada centímetro desperdiçado pode fazer a diferença. Então continue lendo!
1. Escolha móveis pequenos: Precisa-se ter a percepção de que não condiz encher a casa de móveis grandes em um espaço pequeno, deve-se conscientizar e conciliar o móvel com a realidade;
2. Móveis multifuncionais: Outra dica bastante importante é procurar móveis que possuam mais de uma função, por exemplo, sofás cama, mesa lateral que vira mesa de jantar, cama com gavetas embaixo ou você pode suspendê-la com pés e criar um espaço para armazenar objetos, essas são algumas dicas;
3. As paredes: Outra dica importante é usar cores neutras e aproveitar ao máximo a luz natural que entra no imóvel. A decoração da parede deve ser mínima e bem espaçada. Assim, o ambiente não parece bagunçado;
4. Cort…

Seguro residencial: o que você precisa saber

Você já ouviu falar em seguro veicular, seguro de vida, mas já ouviu falar em seguro residencial?
Se como muitos você nunca teve curiosidade sobre o assunto, o post dessa semana vai tratar sobre essa modalidade de seguro e tirar todas suas dúvidas, entre elas se tem cobertura contra, enchentes alagamentos ou inundações.

Pouco conhecido, o seguro residencial apresenta vantagens e preços baixos, porém sua contratação em relação a outros seguros como os de veículos é baixa. Normalmente quem opta por esse serviço o faz após um dano ou furto na sua casa. Mas vamos lhe mostrar as vantagens de contratar esse seguro, se você pensou que o serviço varia de preço pela localização ou as dimensões do imóvel se enganou, o preço do seguro varia de acordo com os serviços contratados, cada serviço tem uma taxa definida pela seguradora e o valor pode variar de R$ 150,00 a R$ 400,00 por ano.

A cobertura mais cara é a de roubo e a mais barata a de incêndio, raios e explosão, devida sua baixa incidência.…

O FGTS na compra do imóvel

Se essa é uma dúvida que fica permeando seus pensamentos, o post a seguir vai te responder várias perguntas que você se faz sobre o FGTS e a compra do seu tão sonhado imóvel. Continue lendo!

Quem trabalha sob o regime de Consolidação das Leis do trabalho (CLT) tem direito ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), que equivale a 8% do salário mensal e é depositado pelo empregador em uma conta que é vinculada ao fundo. E esse fundo só pode ser retirado quando o trabalhador é demitido sem justa causa, por diagnóstico de câncer ou para compra do imóvel.

Vale destacar que o FGTS não pode ser utilizado para comprar imóvel comercial, nem fazer reformas ou ampliar o imóvel, comprar material de construção ou para comprar imóveis residenciais de familiares ou outros. 
Além do que foi citado acima, existem algumas regras para que o dinheiro seja liberado e você adquira seu imóvel. Que são:
Para o comprador É necessário no minimo três anos de trabalho sob o regime do FGTS, mesmo que em per…

Taxa de condomínio: entenda como funciona.

Se você é uma das pessoas que moram em condomínio e se pergunta para que funciona a taxa de condomínio e como é feita, esse post é para você!
O que é a taxa de condomínio?
Nada mais é do que um valor a ser pago por todos os condôminos mensalmente. Essa cobrança é utilizada para cobrir as despesas coletivas e de interesse comum dos moradores, incluindo tanto gastos fixos como os não previstos. Para os imprevistos é criado um fundo de reserva, que geralmente já vem embutido na taxa, servindo para ocasiões diversas como defeitos no portão, cano quebrado, dentre outras.
É importante ressaltar que o pagamento da taxa de condomínio é obrigatório e independe de haver ou não um morador no imóvel que faz parte daquele condomínio. Sem esse pagamento todos sairiam prejudicados, pois é com ele que há a administração e devido funcionamento do local. Moradores inadimplentes estão sujeitos a multas e em casos mais graves ter seu imóvel penhorado, por isso o melhor a se fazer é negociar e explicar a …

7 séries sobre decoração na Netflix para você se inspirar!

Uma ótima maneira de se inspirar para criar ambientes belos e aconchegantes é assistir algumas séries sobre decoração que passam na Netflix. Por meio delas, é possível visualizar a aplicação de vários estilos de decoração em diversos formatos de casas com o uso de diferentes móveis, paletas de cores, iluminação, artigos decorativos, entre outros. Ou seja, há muitas opções de cômodos finalizados com ideias criativas e que buscam aliar a beleza visual com a funcionalidade necessária para facilitar a sua rotina diária. Outro ponto bastante interessante, é que as séries costumam abordar temas que vão além da decoração. Elas também tratam de construção, projeto de execução, formas de solucionar eventuais problemas que ocorram durante a criação etc. Assim, essas séries são ideais para os amantes e curiosos do design de interiores, os arquitetos, os engenheiros, os estudantes da área, entre outros atuantes desse meio. Sendo, portanto, não só uma fonte de entretenimento, mas também de aprendiza…

Dividir aluguel: prós e contras

As vezes quando se é novo em uma cidade, ou os aluguéis são altos onde se deseja morar, a melhor opção é dividir o aluguel. Essa forma de dividir despesas é muito comum entre os jovens, pois além de ser uma forma de economizar dinheiro, também se torna uma maneira de criar novos vínculos. Mas como em quase todas as relações existem seus prós e contras, vamos falar nessa matéria sobre eles. Continue a leitura!
ECONOMIA
Economia acima de tudo, provavelmente a vantagem maior de se dividir um aluguel é poder dividir despesas, e conseguir guardar um dinheiro a mais no fim do mês. Você pode dividir gastos como o aluguel do imóvel que pode ser a casa ou apartamento, dividir as contas de água, luz, internet e as despesas com alimentação e produtos de limpeza.
COMPANHIA
Se você veio de um ambiente familiar grande, que toda família ficava reunida, dividir aluguel vem com o enorme benefício de não te deixar sozinho, sempre terá a companhia de alguém. Provavelmente até diminua a saudade da família…